Sampaio silencia a Fonte Nova e é campeão

SALVADOR – Em campo, uma guerra. A desvantagem no confronto obrigou o adversário a partir pra cima, incomodar, e o campeão se manteve sólido, bloqueando as investidas, se defendendo com todas as forças.

Mas a taça estava em jogo, e valia tudo para conquistá-la. A batalha era intensa, em todas as partes do campo. O Campeão se multiplicava na defesa, enquanto o oponente tentava desmoronar a muralha negra a sua frente. Tentou durante um tempo inteiro, não conseguiu.

Veio a etapa final. 45 minutos que pareceram uma noite inteira. O Bahia abriu seu arsenal em busca de um gol, um único gol, para pelo menos tentar levar a disputa para os pênaltis. O Sampaio não queria isso. Tinha o resultado, tinha o título na mão. O Sampaio jogava com alma de campeão.

Quando o cronômetro chegou perto do fim, uma rajada de misseis começou a despencar sobre a cidadela boliviana, que se mantinha intacta, inabalável, invencível.

O Bahia queria marcar, de todo jeito. Só que não marcou. Não marcou não. Nem a pau. A taça da Copa do Nordeste já tinha dono. O Sampaio é campeão. É CAMPEÃO!!

Ficha dos campeões

Andrey, Bruno Moura, Joécio, Maracás e Alyson; Willian Oliveira, Diego Silva (Silva), Fernando Sobral e João Paulo (Wellington Rato); Danielzinho (Rodrigo Fumaça) e Uilliam.

BNC Eporte

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.