No dia 18 de fevereiro de 2016, o Diretório Municipal de PSOL/São Luís manifestava publicamente sua posição contrária à construção de um terminal portuário da empresa WPR/Torres. Defendia a criação da Resex e o respeito aos direitos da comunidade de Cajueiro.

Denunciávamos que a articulação dos interesses do grande capital nacional com, à época, o governo do PT/PMDB de Dilma, o governo Flávio Dino (PCdoB/PSDB) e o prefeito Edivaldo Holanda Jr (PDT), repetia o modelo de desenvolvimento econômico predatório e excludente instaurado pela oligarquia Sarney no Maranhão.

Passados quase dois anos, pouco mudou! O governo federal, agora só do PMDB de Temer e Sarney, o governo Flávio Dino (do PCdoB, agora com PP, DEM, PRB, PTB) e a Prefeitura de São Luís mantêm o ataque à comunidade de Cajueiro, sem nada fazer ante o desmatamento promovido à força pela empresa. Ao contrário, garante a proteção policial do Estado para a empresa agir.

Uma vez mais, denunciamos essa aliança espúria de interesses que massacra o meio ambiente e as comunidades tradicionais. Reforçamos o apoio à comunidade e ao Movimento de Defesa da Ilha. Exigimos do Governo do Estado a suspensão de todas as licenças da WPR!

 TODO APOIO A CAJUEIRO E ENGENHO! PELA CRIAÇÃ DA RESEX, JÁ!!

 

PARTIDO SOCIALISMO E LIBERDADE

Diretório Municipal de São Luís

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.