Datafolha: comando da campanha de bolsonaro já tem desculpa para resultado da pesquisa

Após a ducha de água fria que foram as últimas pesquisas, tanto do Ipec quanto do Genial/Quaest, o comando da campanha à reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL) já tem uma desculpa pronta para o próximo Datafolha, que será divulgado no final da tarde desta quinta-feira (18).

Com a expectativa do pagamento do Auxílio Brasil, a campanha contava com uma reação de Bolsonaro. Eles afirmam que as pesquisas internas contratadas pelo PL mostram uma diferença de quatro pontos entre Bolsonaro e Lula. Os levantamentos dizem ainda que o presidente deve passar o petista até o fim do mês.

A mesma conversa tem sido dita por eles desde maio, mas não se concretizou.

A ideia, de acordo com informações da coluna de Bela Megale, no Globo, é dizer que os eleitores bolsonaristas se recusam a responder o Datafolha e que, por isso, o levantamento do instituto não pode ser considerado um parâmetro.

Genial/Quaest e Ipec

Na Genial/Quaest, Lula aparece com 45% das intenções de voto no primeiro turno, seguido pelo presidente Bolsonaro com 33%.

Já a última pesquisa eleitoral do instituto Datafolha, divulgada no final de julho, a diferença entre os dois foi maior. Lula aparece com 47% das intenções de votos no primeiro turno e Bolsonaro ficou com 29%.

BNC Política

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.