GRANDE ILHA – O Hospital Dr. Carlos Macieira realizou mais de 70 procedimentos oftalmológicos, nesta terça-feira (22). A ação integra o Programa Mais Cirurgia, que visa diminuir a espera dos pacientes assistidos nas unidades da rede da Secretaria de Estado da Saúde.

Eurico Correa Ramos, 61 anos, morador de São José de Ribamar, expressou a alegria ao conseguir realizar a cirurgia. “Eu tinha dificuldade para enxergar. Uma vez fui atravessar a pista e não vi o carro, quase fui atropelado. Agora estou feliz”, disse.

Os 71 pacientes passaram por cirurgias para correção de dois tipos comuns de doenças oculares: catarata e o pterígio. Nestes casos, a cirurgia é realizada mediante indicação médica, sendo identificada a perda excessiva na visão.

A oftalmologista Simone Arruda explicou as causas da catarata. “Temos um cristalino intraocular – dentro dos olhos – que com a idade vai ficando esbranquiçado, por isso a pessoa tem dificuldade para enxergar. O mais comum é ocorrência na velhice e então tem que fazer a cirurgia para colocar a lente transparente no local, uma prótese”, detalhou a médica.

As dificuldades com a visão comprometeram a capacidade. “No meu caso, vou operar do olho esquerdo. Eu trabalho colocando piso, às vezes o arremate fica ruim, porque não consigo olhar direito e acabo não podendo realizar meu serviço”, disse José Ribamar Ribeiro, 61 anos.

O pós-operatório acontece nesta quarta-feira (23). Na consulta, o médico vai avaliar as primeiras 24 horas após a cirurgia ocular.  Noventa consultas de triagem foram realizadas no primeiro dia.

BNC Cidades

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.