GRANDE ILHA – Representantes de entidades sindicais e gestores do setor de turismo do Norte e Nordeste reuniram-se em São Luís, nesta sexta-feira (20), para o debate de ações e propostas que impulsionem o trade turístico maranhense e promovam a sua sustentabilidade. O encontro foi realizado pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Maranhão (Fecomércio-MA) em parceria com Confederação Nacional do Comércio (CNC), e integrou a agenda de divulgação do Projeto Vai Turismo – Rumo ao Futuro, no estado.

O ‘Vai Turismo’ é uma iniciativa da CNC que congrega propostas e conecta instituições para recomendar políticas públicas de estímulo ao desenvolvimento sustentável de destinos turísticos brasileiros aos poderes executivo e legislativo. Além dos objetivos do projeto, foram apresentados à comitiva, produtos e serviços do setor e realizadas palestras com foco no Programa Emergencial do Setor de Eventos e Turismo, e sobre o ECAD e as Leis Trabalhistas editadas durante a pandemia.

O presidente da Fecomércio-MA, José Arteiro, destacou a importância do diálogo intersetorial para o turismo local. “É necessário valorizar a nossa região e ressaltar os diferenciais competitivos que temos aqui. Por isso, neste momento, reunimos esforços e as melhores práticas para utilizarmos o turismo como uma ferramenta do desenvolvimento sustentável do nosso estado”, pontuou.

Elaboração de propostas

A apresentação do ‘Vai Turismo’ em São Luís é o pontapé inicial para o conjunto de propostas a serem consolidadas pelo Grupo de Trabalho Estadual (GTE), composto pelas entidades presentes no encontro. Após elaboradas, as sugestões e diretrizes para o fomento de políticas públicas serão encaminhadas aos gestores do Governo do Estado e Prefeituras Municipais, principalmente aquelas onde há potencial turístico.

O GTE terá o papel de articulador das pautas interessadas, na divulgação do projeto (suas atividades e resultados), participação em encontros de sensibilização e oficinas de debate técnico, além do apoio na identificação de movimentos e projetos no estado, que visem estimular o desenvolvimento do turismo.

Entre as instituições que integram o GTE no estado estão o Sistema Fecomércio (Sesc/Senac); Sindicato Empresarial de Hospedagem e Alimentação do Maranhão (Sehama); Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav); Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Maranhão (Abih); Sistema Fiema (Sesi/Senai/IEL); Secretaria de Estado de Turismo (Setur); Associação Comercial do Maranhão (ACM), agências de turismo do estado e outros sindicatos patronais.

A consolidação do projeto segue em desenvolvimento, também, nos demais estados do Brasil, através do Sistema Fecomércio com o apoio do Conselho Empresarial de Turismo (Cetur) da CNC. No Maranhão, as articulações iniciais contaram o suporte do diretor responsável do Cetur, Alexandre Sampaio, que é presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA).

Em sua vinda ao estado, Sampaio destacou a necessidade de se discutir de forma política, junto ao trade turístico do maranhão e sociedade civil, diretrizes para um melhor retorno e desenvolvimento do setor, de modo que o turismo se insira nos planos de trabalho de dirigentes do poder executivo e nas pautas do legislativo.

“O ‘Vai Turismo’ busca perceber gargalos que são estruturantes e processos que podem potencializar o crescimento a curto prazo. A ideia é que suas soluções se incorporem como políticas públicas perenes e contínuas para o turismo nacional, respeitando todas a peculiaridades e especificidades de cada estado e região”, finalizou.

BNC Cidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.