Momento do adeus: ex-presidente do Vasco, Eurico Miranda é enterrado no Rio de Janeiro

RIO DE JANEIRO – O corpo de Eurico Miranda foi enterrado na tarde desta quarta-feira no cemitério São João Batista, em Botafogo, Zona Sul do Rio de Janeiro. Mais cedo, o ex-presidente foi velado em São Januário como forma de adeus ao clube ao qual serviu por mais de 50 anos.

No cemitério, familiares e amigos de Eurico fizeram discursos em homenagem ao dirigente. No momento em que o caixão descia, os presentes cantaram o hino do Vasco e o tradicional grito de “Casaca”.

No cemitério, personalidades do Vasco estiveram presentes, além de familiares e amigos do dirigente. O ex-atacante e ex-treinador do clube Valdir Bigode e o atual presidente Alexandre Campello foram prestar condolências à família de Eurico.

Antes de ser levado para o cemitério, ainda em São Januário, o caixão foi carregado da capela até o centro do gramado do estádio, e os vascaínos entoaram o famoso grito de “Casaca”.

Momento do enterro de Eurico Miranda — Foto: Bruno Giufrida

Momento do enterro de Eurico Miranda — Foto: Bruno Giufrida

Eurico Miranda morreu no início da tarde de terça-feira, num hospital na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. De lá o corpo foi levado para São Januário, onde chegou na noite de quarta e ficou até o início da tarde desta quarta, quando houve o transporte até o cemitério São João Batista.

Com Informações do Globoesporte.com

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.