Itália: Homem preso depois de cuspir na fruta e compartilhar vídeo

ROMA- Homem de 25 anos foi ao supermercado e na zona da fruta acabou por tirar a máscara e cuspir para cima de umas maças. Caso foi denunciado nas redes sociais e o indivíduo acabou detido. A situação de emergência que Itália vive devido à pandemia do novo coronavírus – mais de 4.800 pessoas morreram em solo transalpino – não impede algumas pessoas de terem algumas atitudes menos corretas como a que aconteceu na região de Caserta.

Um homem de 25 anos foi a um supermercado nesta região no sul de Itália e decidiu deslocar-se à zona das frutas. Depois de tirar a máscara da boca, o indivíduo aproximou-se das maçãs que estavam à venda e cuspiu em cima das mesmas. O vídeo foi partilhado nas stories da rede social Instagram com a inscrição ‘Nós estamos infectados’, referindo-se à fruta em causa.

As imagens deste momento correram as redes sociais, com muitos utilizadores a criticarem esta atitude. Um deles foi Francesco Emilio Borrelli, Conselheiro Regional da Campânia. O político escreveu que “nem mesmo a emergência de saúde do coronavírus parece impedir a estupidez de algumas pessoas que gostam de se exibir nas redes sociais com atos de vilões.”

O certo é que este indivíduo foi denunciado às autoridades e acabou por ser detido, respondendo agora por instigar ao alarmismo e desobediência aos procedimentos das autoridades.

BNC Mundo

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.