Corregedor Geral de Justiça vai a Caxias conhecer sucesso da regularização fundiária

CAXIAS – A Prefeitura Municipal de Caxias, recebeu nessa segunda-feira (25), o Corregedor Geral de Justiça do Maranhão, Paulo Sérgio Velten Pereira, que foi recebido pelo prefeito de Caxias, Fábio Gentil e Ronyara Pimentel, coordenadora municipal da Regularização Fundiária para conhecer o trabalho que vem sendo feito no município. O corregedor estava com sua equipe e acompanhado do Juiz Sidarta Gautama Farias Maranhão. O encontro ocorreu no gabinete da Prefeitura Municipal.

Durante a visita, o corregedor, o prefeito e a coordenadora da Regularização Fundiária, também entregaram um título de propriedade à moradora da Vila São José, Maria Alice, que já mora na comunidade há 25 anos.

“Estou muito alegre por receber o documento da minha casa. Agora é minha e ninguém toma. Que Deus abençoe nós todos!”, frisa Dona Maria Alice.

A regularização fundiária segue um marco regulatório, que é a Lei 13.465/2017, que ampliou a regularização no país. Caxias participa do processo de Regularização Fundiária, por meio do Projeto Integra, que elegeu Caxias, Coelho Neto e Imperatriz.

O município faz parte de um projeto piloto que tem apresentado resultados importantes. “A regularização organiza a ocupação do solo urbano. Hoje os administradores públicos buscam trazer a função social para a cidade. O cidadão passa a ter acesso ao crédito, ele pode investir em uma atividade econômica e por outro lado, gera receita para o município. A receita municipal caiu muito, e quando você regulariza, a pessoa paga o IPTU, taxa de localização e funcionamento, caso coloque um pequeno negócio. Temos as acessibilidades promovidas pela administração pública, tornando a cidade compatível com o século XXI. Está de parabéns a cidade de Caxias, na pessoa do prefeito Fábio Gentil, e a Corregedoria é aliada nesse processo”, afirma Paulo Sérgio Velten Pereira, Corregedor Geral de Justiça do Maranhão.

“A visita do Desembargador Paulo Velten é muito importante, porque estamos tendo o trabalho reconhecido, e ficamos muito satisfeitos pela dedicação da nossa equipe que trabalha com o coração. Nós fazemos todo um estudo do bairro, social e jurídico da área e vemos quais melhorias cada bairro pode ter também. Nós começamos com o cadastro social, mas vamos muito além disso, a regularização quer trazer melhorias para a vida das pessoas”, afirma Ronyara Pimentel, coordenadora da Regularização Fundiária de Caxias.

O prefeito de Caxias, Fábio Gentil, destacou que esse processo está levando dignidade aos caxienses e agradeceu a visita do Corregedor Geral de Justiça do Maranhão, que veio conhecer o trabalho exitoso que está sendo desenvolvido no município.

Nosso Corregedor tem dado toda a estrutura e todo o conhecimento para que nós possamos juntos fazer com que essa titularização chegue a todos os bairros da cidade. Hoje, estamos na Vila São José entregando os títulos de todos os moradores. O compromisso da nossa coordenadora Ronyara mostra que Caxias está à frente, e vamos apresentar aos demais municípios do Maranhão. Eu fui vereador por 20 anos, e o processo era feito de doação com uma lei específica para cada pessoa, mas a Prefeitura resolveu investir, criou uma Secretaria de Regularização Fundiária, que juntamente com a Corregedoria do Estado do Maranhão e o cartório podemos oferecer a titularização, dando a certeza de que mesmo na falta da pessoa que tem o título, a casa fica na família”, destaca Fábio Gentil, prefeito de Caxias (MA).

A Regularização Fundiária em Caxias (MA), iniciou com a titularização das famílias da Vila Esperança, onde 182 famílias foram beneficiadas; Luiza Queiroz com 200 famílias, Volta Redonda com 18 famílias, a Escolinha Tia Joana, e agora a Vila São José com aproximadamente 200 famílias com seus títulos. Os trabalhos estão adiantados com as 2.500 famílias do bairro Nova Caxias, que devem ser alcançadas.

BNC Municipios

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.