AXIXÁ – O Ministério Público Eleitoral denunciou o ex-candidato a vereador Fredson Naiva por prática de crimes tipificados nos artigos 324 (calúnia), 325 (difamação), 326 (injúria) combinados com o art.º 327, III da Lei 4.737/65.

A ação penal foi desencadeada depois que o “vendedor de quentinhas” mais uma vez agrediu de forma gratuita e sem nexo a honra e imagem da prefeita de Axixá, Sônia Campos (PDT) através do Facebook na página Portal do Axixá. Denuciou o MP:

“Consta nos autos do Procedimento Preparatório Eleitoral nº 023467-500/2020 (em anexo), que o denunciado, via mensagens divulgadas no perfil PORTAL DE AXIXÁ, hospedada no aplicativo Facebook, de sua propriedade (https://www.facebook.com/AxixaOficial), durante o período de propaganda para as eleições municipais ocorridas no ano de 2020, caluniou, difamou e injuriou a então candidata a Prefeita Maria Sônia Oliveira Campos, afirmando na postagem que a ofendida tentava implementar uma ditadura no Município de Axixá, e que ela praticava o crime de corrupção e aliciamento de pessoas nas eleições, se referindo à gestora como ‘prefeitinha’.”

Fredson – que até outro dia vendia planos odontológicos em Manaus/AM e negociava bitcoins – useiro e vezeiro na disseminação de fake news tem conquistado fama negativa na cidade de Axixá por causa de suas postagens no Facebook, no patético Portal do Axixá.

Além de ser um propagador contumaz de fakenews, “o homem que envergonha a tradicional família Naiva” mostra ser uma pessoa completamente sem noção, pois mesmo tendo tido uma votação ridícula – 32 votos, ao lado do seu candidato a prefeito que teve 13 1votos – acredita ser líder de uma oposição.

Atualmente, o “espoca urna” tem servido de “moleque de recados” do único vereador de oposição, Joaquimzinho (MDB) e por tabela, “menino leva-e-traz” da também rainha de processos, a ex-prefeita Roberta Barreto a quem deverá pedir socorro para responder a ação penal.

O tresloucado espoca urnas, além da antipatia dos axixaenses tem também agora mais uma penca de processos movidos pelas vítimas de suas maluquices, mentiras e achincalhes.

Sem credibilidade, sem discurso e sem ideal, o morador do bairro do São Francisco em São Luís, deveria parar de criar fakenews e se dedicar mais a estudar (melhorar seu sofrível português), lutar e trabalhar, afinal, com a quantidade de penas e indenizações que já se avizinham, vai precisar!

BNC municípios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.