Luiz Melodia é enterrado no Rio

RIO DE JANEIRO – Foi enterrado sob aplausos, no fim da manhã deste sábado (5), no Cemitério do Catumbi, o cantor e compositor Luiz Melodia. Ele morreu na sexta-feira (4), aos 66 anos. Ele lutava contra um câncer de medula óssea.

Amigos como as atrizes Zezé Motta e Regina Casé fizeram questão de comparecer ao enterro. Canções que marcaram a carreira de Melodia, como “Pérola negra”, foram tocadas e cantadas pelos presentes na despedida (veja no vídeo acima).

“Perdi um amigo, um irmão, um ídolo. Melodia partiu, mas a obra dele ficará conosco para sempre”, disse a atriz e cantora Zezé Motta.

A atriz Regina Casé também foi homenagear e se despedir do amigo.

“Não foi apenas o artista que se foi. Partiu, também, a pessoa mais elegante que já conheci. Acho que nunca mais encontraremos alguém tanta elegância, com tanta leveza”, disse Regina Casé.

velório do corpo do cantor teve início na tarde desta sexta-feira (4) na quadra do Grêmio Recreativo Escola de Samba Estácio de Sá, no Centro do Rio, agremiação de coração dele, do bairro onde passou a infância.

O corpo de Melodia chegou ao Cemitério do Catumbi, ao lado do Estácio, às 10h31, seguido por um cortejo que cantava “Estácio, eu e você”. O trajeto até o túmulo 30 da quadra 3 foi feito em pouco tempo. Logo após o sepultamento, parentes, amigos e fãs aplaudiram e se despediram do cantor e compositor, enquanto cantavam “Pérola negra”.

No início do velório, na sexta (4), duas bandeiras foram postas em cima do caixão de Luiz Melodia: uma do Vasco da Gama (time de Melodia) e uma da Estácio de Sá. Familiares, amigos famosos e anônimos também compareceram ao velório. Um bar em frente à escola tocava músicas do compositor em alto volume.

Casada há 40 anos com o cantor Luiz Melodia, Jane Reis, muito emocionada, contou que chamava o marido de “passarinho”.

“[Ele] Voou. Voou mais alto. Foi pra longe da gente. Foi cantar em outro lugar”.

Com olhos marejados, Jane não soube explicar porque as músicas de Melodia eram tão especiais para a grande maioria dos fãs.

“Não sei. Ele era muito sincero, muito inteiro. Tudo o que ele fazia, ele fazia com muita sinceridade. Eu acho que as pessoas se identificam com essa sinceridade, elas se veem na sinceridade. Então, eu acho que o que saía era ele, e acabou. Sem mais, sem menos. Sem meias palavras, ou com muitas meias palavras, mas sinceramente”, declarou.

 Fonte: G1
BNC Cultura

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*