27º Literatura Mútua conversa com poeta Fernando Abreu

GRANDE ILHA – A 27ª edição do projeto literário mediado por Talita Guimarães trará encontro com a poesia do maranhense Fernando Abreu na quarta (19/07), às 19h30 na Galeria Trapiche.

O Literatura Mútua promove na quarta-feira (19/07) uma roda de conversa com a escritor maranhense Fernando Abreu, autor de Manual de Pintura Rupestre (7Letras, 2015) entre outros livros, comentando experiências de leitura e escrita a partir das 19h30, na Galeria Trapiche (Praia Grande, em frente ao Terminal de Integração). A entrada é gratuita e a mediação é da jornalista Talita Guimarães.

“Gosto do formato das rodas de conversa, da maneira que elas democratizam o debate sobre os temas mais variados. A criação artística tem muito a se beneficiar dessa forma não vertical de abordar seus temas. Em uma cidade com pouca tradição de diálogo crítico, como São Luís, as rodas de conversa são uma necessidade. Por tudo isso, fico muito feliz de poder contribuir com o fortalecimento de um projeto que tem dado uma evidente contribuição para a criação literária na cidade”, afirma Fernando Abreu, autor convidado da 27ª edição do Literatura Mútua.

“Uma das diretrizes primordiais do Literatura Mútua é viabilizar ambientes de escuta e partilha para que leitores e autores compartilhem experiências de leitura e escrita.”, destaca Talita Guimarães, jornalista responsável pelo projeto. As rodas de conversa reúnem autores que são antes de tudo leitores. “A ideia é promover encontros em que autores comentem como a leitura atravessa suas percepções humanas e influencia em seus trabalhos. Assim, eles compartilham quais livros foram marcantes em suas trajetórias, leem seus trechos preferidos, trocam indicações de leitura com o público e incentivam o hábito de ler. Além, é claro, de falarem sobre seus trabalhos como criadores.”, explica a mediadora.

LITERATURA MÚTUA – Iniciado em agosto de 2016, o Literatura Mútua é um projeto literário sem fins lucrativos, idealizado pela escritora e jornalista maranhense Talita Guimarães, que visa reunir escritores contemporâneos publicados ou não, em rodas de conversa sobre experiências de leitura e escrita. Atualmente, o LM conta com edições mensais na Galeria Trapiche (Av. Vitorino Freire, Praia Grande), na Biblioteca Municipal José Sarney (Rua do Correio, s/n – Bairro de Fátima) e na Livraria e Espaço Cultural da Associação Maranhense de Escritores Independentes – AMEI (São Luís Shopping – Av. Carlos Cunha, Jaracati).

A primeira temporada do projeto conversou com os escritores Felipe Castro (MA), Sabryna Mendes (MA), Jônatas (MA), Júlia Emília (MA), Thalita Rebouças (RJ), Ferréz (SP), Duda Veloso (MA), Igor Nascimento (MA), Gustavo Lacombe (RJ), Zema Ribeiro (MA) e Manu Marques Barbosa (MA). Já em 2017, a segunda temporada prevista até dezembro, conversa com Laísa Couto (MA), Elizeu Cardoso (MA), Aurora da Graça (MA), Dyl Pires (MA), Thayná Rosa (MA), Beto Scanssette (DF), Déa Alhadeff (MA), Jaqueline Morais (MA), Lúcia Santos (MA), Fernando Abreu (MA), Jorgeana Braga (MA), Frederick Brandão (MA), Sharlene Serra (MA), Rose Panet (PB) e Júnior Lobo (MA).

TALITA GUIMARÃES – Nasceu em São Luís-MA (1989), é jornalista e escritora. Autora de Recorte! (2015) eVila Tulipa (2007), agraciado com Prêmio Odylo Costa, Filho no XXX Concurso Literário e Artístico Cidade de São Luís em 2006. Edita o site Ensaios em Foco (www.ensaiosemfoco.com), escreve e ilustra crônicas às quintas-feiras para o Armazém de Cultura (www.armazemdecultura.com) e desenvolve projetos para Cinema e TV Pública em São Luís-MA, onde reside.

FERNANDO ABREU – Maranhense de São Luís. Viveu na cidade de Grajaú, interior do estado, até os 13 anos. Durante cerca de dez anos editou a revista de poemas Uns & Outros, ao lado de outros integrantes da Akademia dos Párias, grupo que agitou a cena literária na capital maranhense entre o final dos 80 e meados dos 90. Tem quatro livros de poemas publicados, sendo o mais recente Manual de Pintura Rupestre (7 Letras, 2015). Antes vieram Aliado Involuntário (Exodus, 2011),

O Umbigo do Mudo (Clara Editora, 2003) e Relatos do Escambau (Exodus, 1998). Como letrista, tem parcerias com Zeca Baleiro, Chico César, Marcos Magah e Nosly, entre outros. Tem poemas publicados nas revistas Germina, Modo de Usar, Sibila, Poesia Sempre e no Blog do Antonio Cicero. No momento está concluindo sua nova coletânea, intitulada Um circo na periferia do real, que deverá sair em 2018.

BNC Cultura

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*